Vendedor ambulante morre vítima de bala perdida durante assalto as “Casas Bahia” em Simões Filho


No início da noite desta quarta-feira (08), uma ação criminosa terminou em tragédia no município de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS) deixando toda a população perplexa.

De acordo com informações já confirmadas pela Policia Militar, um grupo de assaltantes tentou assaltar a loja “Casas Bahia, localizada na Avenida Rui Barbosa, no Centro da cidade, mas a ação foi frustrada pelos policias da 22ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM).

Segundo testemunhas, os meliantes chegaram a bordo de uma motocicleta e rendendo os funcionários, obrigaram os mesmos a colocarem os aparelhos eletrônicos em uma sacola.

Em contato com a Assessoria de Comunicação da 22ª CIPM, a reportagem do Mapele News teve acesso a informação de que, em rondas pelas ruas da cidade, a guarnição de moto com dois agentes recebeu a notícia da ação dos indivíduos no interior da loja e imediatamente se deslocou na tentativa de conter os criminosos.

Ao chegar ao local, a PM informa que os meliantes já estavam saindo da loja e ao avistarem os policiais começaram a deflagrar diversos tiros em direção aos agentes. Pelo fato de ter muitos transeuntes nas imediações da loja, a PM afirma que não revidou os tiros, mesmo assim, com a chegada de reforços, conseguiu mobilizar um dos assaltantes.

Com o criminoso, foi apreendida uma arma de fogo utilizada durante o assalto e uma sacola de mercadorias com aparelhos eletrônicos e eletrodomésticos também foi recuperada pela guarnição. Os outros meliantes teriam conseguido evadir do local ilesos.

Ainda segundo a PM, em detrimento dos tiros deflagrados pelos meliantes, duas pessoas que passavam pela localidade acabaram sendo atingidas. Uma delas, um vendedor de uvas, identificado como Anderson da Silva Portela, 22 anos, foi atingido por um disparo no abdômen. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Municipal, mas não resistiu aos ferimentos.

Testemunhas afirmam que Anderson, que trabalhava como vendedor ambulante nas imediações da loja, teria acabado de sair de sua banca para comprar um lanche, quando foi surpreendido pelo disparo de arma de fogo que levou o vendedor ao óbito. A segunda vítima, identificada como Luiz Carlos Ferreira da Silva ,27 anos, foi atingido de raspão nas costas e não corre risco de morte.

Nas redes sociais a população já lamenta a morte do rapaz e pede que a situação da segurança no município seja novamente restabelecida. Algumas horas depois do crime, um grupo de moradores ateou fogo em pneus em frente ao Cemitério São Miguel em protesto pela morte do jovem. Anderson seria morador do bairro Km 30.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *