Perigo: Moradora denuncia risco de acidente com rede elétrica e falta de manutenção em rua de Simões Filho


Sempre a disposição dos munícipes e sob a missão de levar informação de qualidade com ética profissional e respeito à veracidade dos fatos, o Mapele News recebeu na manhã desta quarta-feira (06), a denúncia de uma moradora do bairro Ponto Parada, em Simões Filho.

Em contato com a redação, a moradora expressou sua indignação em constatar a situação de abandono que a Rua Vale das Fontes se encontra, mesmo estando localizada em um bairro que teve uma das mais expressivas votações ao eleger o seu representante no parlamento municipal, nas eleições passadas.

“É dessa forma que vivem os moradores da escada na Vale das fontes. Isso é uma vergonha desenfreada. Pagamos nossos impostos e vivemos assim sendo roubados na porta de nossas casas, lixo, escuridão, ratos de duas e quatro pernas. Gente, isso é uma rua que liga a outra. Jovens, crianças e senhoras têm necessidade de passar por essa imundice que é a escadaria da Vale das Fontes”, disse ela.

Ainda de acordo com a moradora, existe um coqueiro nas imediações da escadaria que coloca em risco a vida de todos os transeuntes. Segundo ela, os órgãos competentes já foram acionados pela comunidade, mas foi alegado que por se tratar de um terreno particular, a intervenção tem que ser feita pelo proprietário.

“Tem um coqueiro que põe em risco todos os moradores, que já foram aos órgãos competentes e providência nenhuma foi tomada (porque alegaram que é em uma área particular) ou seja, o dono da casa não tem condições de cortar o coqueiro pois tem muita fiação e residências ao redor”, explicou.

Foto de Roze França.Sobre a falta de suporte da gestão municipal para com a comunidade, Roze França disse que se sente decepcionada, mas que a resposta virá nas próximas eleições municipais, onde os candidatos não poderão contar com seu voto.

“Fica ai minha indignação com esses políticos, que quando querem votos prometem o que não podem. Simões Filho, terra sem lei (sempre foi). Aguardo vocês em 2018 a seguir”, completou ela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *