GGB lança campanha que tem como tema o pai trans; veja vídeo


A campanha “O primeiro Dia dos Pais de César”, que mostra o amor de um filho e um pai trans, foi lançada na tarde deste sábado, 5, pelo Grupo Gay da Bahia (GGB). O vídeo conta a história de uma criança que mostra o orgulho e o amor que sente pelo seu genitor. No final, surge a revelação que o pai, César Sant’Anna, deu à luz em 2005, quando ainda se chamava Beatriz. Só depois ele passou pelo processo de aceitação e transição para o gênero oposto.

Ele, que aceitou retratar sua história pessoal na campanha do GGB, afirma que sua participação teve como propósito “inspirar e encorajar outras pessoas que lutam por um mundo de respeito, empoderamento e amor”.

Ele emociona e faz com que eu acredite que a humanidade pode ser curadaMárcia Teixeira,  promotora de Justiça

A intensão do grupo é que a sociedade abra os olhos e se reinvente abrindo portas para este grupo familiar. “É incompreensível, a não ser pela tirania que o Estatuto da Família, que não reconheçam esse tipo de amor familiar”, afirmou Marcelo Cerqueira, presidente do GGB.

“Esse filme trata do amor genuíno entre um pai e seu filho. Ele emociona e faz com que eu acredite que a humanidade pode ser curada”, disse a promotora de Justiça Márcia Teixeira, Coordenadora do CAOP de Direitos Humanos do Ministério Público da Bahia, que apoia a iniciativa.

Transgêneros

São aqueles que não se identificam com o gênero de nascimento, como César, que nasceu menina e agora se identifica como homem. E, quando estas pessoas passam pela fase de transação, há ainda uma luta para que sua identidade seja admitida e respeitada pela sociedade, segundo o GGB.

Ainda conforme a entidade, os transgêneros enfrentam também risco da violência contra a vida, sofrem com a exclusão social e do mercado de trabalho, além de serem rejeitadas por familiares e amigos.

Fonte: Atarde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *