Vitória já gastou alto valor em contratações para a temporada de 2024; saiba quanto


O Esporte Clube Vitória foi um dos times mais ativos no mercado brasileiro desde o início da temporada de 2024. Desde quando subiu campeão da Série B para a Série A, o Leão da Barra precisou reformular o seu elenco e aumentar a folha salarial do time. Até aqui o Vitória gastou nas contratações de Léo Naldi, Jean Mota,  Janderson, Daniel Júnior, Willean Lepo, Bruno Uvini e Dudu.

Até o momento o Rubro-Negro gastou, ao todo, R$ 17,7 milhões na contratação desses atletas. A mais recente contratação, o centroavante Janderson, o Vitória gastou R$ 5milhões. Com Léo Naldi, o Leão da Barra gastou R$ 3 milhões, já com Daniel Jr. e Willean Lepo, o valor gasto foi de R$ 2,5 milhões. Com Jean Mota, Bruno Uvini e Dudu, o Leão gastou, respectivamente, R$ 1,7 milhão e R$ 1 milhão nos dois últimos.

Em todos os casos, os contratos foram de 2 e 3 anos. Janderson, Daniel Jr., Willean Lepo e Léo Naldi assinaram com o Rubro-Negro até 2027. Já Jean Mota, Bruno Uvini e Dudu assinaram até 2026 com o Vitória.

 

Fonte: Bnews

Daniel Alves devolve dinheiro emprestado por Neymar para redução de pena; saiba quanto


Daniel Alves devolveu à família de Neymar o empréstimo que serviu como “atenuante de reparação de dano causado” durante o julgamento do ex-lateral, condenado a 4 anos e meio por estupro contra uma mulher numa boate em Barcelona, na Espanha.

Reprodução/Redes sociais

Na ocasião, o atacante ajudou o amigo oferecendo 150 mil euros, cerca de R$ 800 mil, uma vez que as contas do baiano estavam bloqueadas enquanto ele seguia detido. Segundo o Estadão, a defesa de Daniel Alves confirmou a informação.

O ex-lateral foi preso em janeiro do ano passado e liberado após pagamento da fiança de 1 milhão de euros (mais de R$ 5 milhões) sob exigências da Justiça, como ter os passaportes retidos e se apresentar à Justiça semanalmente.

Nesta quarta-feira (10), a Justiça de Barcelona negou os recursos contra a decisão que deu a liberdade provisória a Daniel Alves. Os pedidos haviam sido feitos pelo Ministério Público e pelos representantes da vítima no caso de estupro pelo qual o jogador foi condenado. Com isso, o brasileiro segue fora da prisão.

“Todas as circunstâncias já foram objeto de análise na resolução, como também seus vínculos familiares, sem que tenha ocorrido nenhum elemento novo que leve à reconsideração. Não é o momento de avaliar, como refere o recurso do Ministério Público, as diferentes declarações do processado, pois isso foi objeto de exame na sentença”, explicou o Tribunal em nota.

FONTE:Bnews

Simões Filho: Quatro times se enfrentam na abertura da 25ª edição da Copa Cia de Futebol neste dom


A cidade Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS), vai sediar a 25ª edição da Copa Cia de Futebol. As partidas de abertura acontecem neste domingo (07), a partir das 08h30, no Campo da Quadra 6 – CIA 1 e quatro times se enfrentam.

 

Realizado pelo desportista Roberto Marques, com total apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude (Sejuv), o evento esportivo acontece anualmente e é

 

Confira as partidas de abertura:

 

1ª Partida

Horário: 08h30

Jogo: América X 5 Estrelas

Local: Campo da Quadra 6 – CIA 1

 

2ª Partida

Horário: 10h30

Jogo: SBC X Estrela de Prata

Local: Campo da Quadra 6 – CIA 1

 

Sobre a Copa Cia

A Copa CIA de Futebol contribui para o entretenimento da população, movimentando e aquecendo a economia e o comércio local, além de funcionar como uma importante ferramenta de integração, inclusão e socialização.

Policiamento é reforçado para clássico BA x VI


Forças Estaduais da Segurança Pública reforçaram neste domingo (31), as ações de inteligência nas redes sociais e ampliarão o patrulhamento preventivo para o primeiro clássico BA x VI da final do Baianão 2024.

Imagem Policiamento é reforçado para clássico BA x VI

O trabalho ostensivo será intensificado no entorno do estádio Barradão, nas estações de ônibus e metrô, além de alguns bairros da capital baiana.

“Sabemos que 99% dos torcedores querem a paz, a alegria. Trabalhamos para que essa maioria assista a partida no estádio ou fora dele com total segurança”, destacou o secretário da Segurança Pública, Marcelo Werner.

Acrescentou ainda que o 1% que tentar manchar a festa, cometendo crimes, será identificado, preso e encaminhado à Justiça.

 

FONTE:BNEWS

Após viralizar em coletiva, Vini Jr sofre ataques homofóbicos de ex-jogador


A estrela do Real Madrid e da Seleção Brasileira, Vinicius Júnior, foi alvo de ataques homofóbicos do ex-goleiro Chilavert. O paraguaio transferiu xingamentos ao jogador de 23 anos em suas redes sociais por ter chorado e desabafado sobre racismo que vem sofrendo na Espanha em entrevista coletiva pré-jogo.

– Pão e Circo, o primeiro a insultar e atacar os rivais é ele. Não seja v****, futebol é para homem – insultou Chilavert, em comentário a uma publicação do jornalista argentino Juan Pablo Varsky.

Chilavert criticou o atacante do Brasil utilizando uma linguagem que gerou repulsa nos fãs. Em 2023, com um discurso ultraconservador, ele concorreu à presidência do Paraguai pelo Partido da Juventude, mas teve menos de 1% dos votos.

Vinicius se consolidou ainda mais como referência na causa antirracista quando falou sobre a importância que a luta tem em sua vida e carreira, o protagonista do Real Madrid repercutiu em todo o mundo e tornou-se inspiração para a geração.

Brasil e Espanha se enfrentam nesta terça-feira (26), no Santiago Bernabéu, em amistoso para promover a campanha contra o racismo “uma só pele, uma só identidade”, influenciado pelas denúncias de Vini Jr aos ataques que sofre desde quando chegou na Espanha. O brasileiro foi perguntado sobre o assunto em coletiva pré-jogo no CT do Real Madrid e desabafou sobre a impunidade dos casos.

FONTE:TERRA

Bia Ferreira vence por decisão unânime e conquista medalha de ouro no Pan


Foto: AFP

Por decisão unânime dos juízes, Beatriz Ferreira conquistou a medalha de ouro no boxe do Pan 2023. No mesmo evento, Tatiana Chagas garantiu a medalha de prata. Bia Ferreira, que já era a campeã pan-americana, reconquistou o título na categoria até 60kg após uma luta contra Angie Valdés, da Colômbia. Esta é a segunda medalha de ouro pan-americana que Bia conquista.

A luta teve pouca troca de golpes, mas Bia Ferreira conseguiu encaixar as melhores sequências. A decisão dos árbitros foi dividida, mas Bia venceu por 3 a 2. No segundo round, Bia dominou completamente, mostrando mais agressividade e vencendo por unanimidade.

No assalto final, Bia Ferreira confirmou sua superioridade. Ela só precisava evitar ser nocauteada e continuou sendo a melhor na luta, conquistando mais uma vitória por decisão unânime.

Argentina vence Brasil no Maracanã e conquista o título da Copa América


Catorze anos depois da última final entre as duas seleções, a Argentina se vingou do Brasil e conquistou, nesta quarta-feira (10), o título da Copa América, no Maracanã. A vitória, por 1 a 0, foi construída com gol de Di Maria, aos 21 minutos do primeiro tempo.

Essa é a 15ª vez que a Albiceleste levanta a taça do torneio continental. Com isso, a seleção se iguala ao Uruguai como a maior campeã da história. O Brasil segue com nove títulos. Foi, também, o primeiro título de Messi pelo seu país.

Os argentinos demonstraram, como de costume, grande habilidade para picotar o jogo no segundo tempo. Os brasileiros, também como de costume, se deixaram levar com facilidade pelas provocações.

Mesmo com 69 minutos, em teoria, para reagir, o Brasil não deu indícios de que o faria em momento algum, com exceção do “abafa” final. Na bola, ficou novamente a impressão de que Neymar é o único jogador capaz de fazer algo diferente no ataque. Pena para os brasileiros que torceram para a seleção.

A vitória argentina também quebra a invencibilidade de 13 jogos da Seleção Brasileira sob o comando de Tite. Curiosamente, a última derrota tinha sido justamente para o maior rival, em novembro de 2019.

Por: Nuno Krause

Com gol de cria da base, Vitória supera Bahia no Barradão e quebra jejum


Mais um triunfo do Vitória sobre o Bahia no Barradão, pela Copa do Nordeste. Neste sábado, 13, o Leão derrotou o maior rival por 1 a 0. Em termos gerais, não vencia o Esquadrão no estádio há três anos. O resultado coloca o Rubro-Negro na vice-liderança do grupo B do Nordestão, com seis pontos. Já o Tricolor permanece em quarto no grupo A, com quatro pontos.

Agora, em seis confrontos no estádio do Vitória pela Copa do Nordeste, o Leão venceu quatro e empatou um. Em partidas totais, a superioridade também é rubro-negra. São oito triunfos, três empates e cinco derrotas.

Mais jovem, a equipe do Vitória não sentiu a pressão do clássico. Com boas trocas de passe, soube encontrar espaços na defesa do Bahia. O gol representa bem a base: Samuel, de 20 anos, foi o herói do confronto.

Defensivamente, o Leão foi seguro. Apesar de errar passes no campo de ataque, não permitiu que o Bahia conseguisse encaixar a transição para o contra-ataque.

Exemplo disso é que a única finalização do Esquadrão em direção ao gol ocorreu aos quatro minutos do primeiro tempo. Foi uma cabeçada de Juninho defendida por Lucas Arcanjo, após falta cobrada por Rodriguinho.

Ambas as equipes voltam a campo na próxima quarta-feira, no estádio Pituaçu. Um novo clássico será disputado, dessa vez pelo Campeonato Baiano. O Bahia jogará com o time de transição, enquanto o Vitória deve levar a equipe principal.

Leão melhor 

O Vitória executou melhor sua proposta de jogo na parte inicial. Mesmo com a marcação recuada do Bahia, que diminuiu bem os espaços, o Leão encontrou boas jogadas e foi seguro. O Tricolor, por sua vez, não soube aproveitar os erros de passes adversários para sair na transição rápida para dar intensidade à partida.

Uma exceção ocorreu aos 9 minutos, quando Rossi arrancou pela direita e enfiou para Gilberto na área. O centroavante quase conseguiu finalizar. Lucas Arcanjo se antecipou e segurou a bola.

O primeiro gol rubro-negro poderia ter saído aos 24 minutos, se não fosse por Vico. Livre, o atacante recebeu lançamento na área e dominou muito mal. Dez minutos depois, Douglas quase entregou a paçoca. David chutou de fora da área, e o goleiro não conseguiu encaixar. Samuel dividiu com ele e a bola quase sobra novamente para David marcar.

A posse de bola, naturalmente, pertenceu mais ao Vitória. Foram 54% dos minutos, contra 46% para o Tricolor.

Leão ainda melhor 

A superioridade na etapa inicial ocorreu, mas ficou muito mais evidente no segundo tempo. Os espaços começaram a aparecer na defesa do Bahia, e o Vitória aproveitou. Logo aos três minutos, Vico fez boa jogada, cortou para o meio e finalizou forte de esquerda. Douglas caiu para fazer a defesa.

Aos cinco, Gabriel Bispo arrumou belo lançamento para Vico, que entrou na área, girou e ajeitou para Gabriel Santiago. O meia carimbou a zaga do Bahia.

Apesar da superioridade rubro-negra, o Tricolor teve chance de ouro para abrir o placar. Rodriguinho cobrou escanteio, Lucas Fonseca desviou a bola sobrou quicando para Rossi, na frente do gol. O camisa 7 tentou de voleio, e jogou para fora.

Como já diria a banda Engenheiros do Hawaii, o preço que se paga às vezes é alto demais. E foi. Aos 12 minutos, Gabriel Santiago encontrou Samuel na entrada da área. Com muita categoria, o atacante colocou no canto direito de Douglas para abrir o placar.

O gol deu ao Vitória o “direito” de recuar mais no gramado. Naturalmente, a medida deu ao Bahia a oportunidade de criar mais chances. Aos 18 minutos, Rodriguinho mandou de cabeça para fora. Aos 26, Gilberto perdeu ótima chance. Após cruzamento do camisa 10, ele cabeceou livre, dentro da área, e mandou para fora.

O jogo rolou até os 51 minutos, e o Leão não só pegou, como agarrou a chance de vencer novo Ba-Vi no Barradão. Merecidamente.

Por: Nuno Krause e Alex Torres

Jornal A tarde

Procon-BA realiza mutirão virtual de renegociação de dívidas


O Procon-BA vai realizar, entre os dias 15 e 31 de março de 2021, um mutirão online de renegociação de dívidas. A ação, de iniciativa da Associação Brasileira de Procons, acontecerá exclusivamente pela internet, através da plataforma de solução de conflitos Consumidor.GOV.

De acordo com Filipe Vieira, superintendente do Procon-BA, muitos consumidores que estão em débito deixam de procurar o Procon ou até mesmo seu banco por se sentirem constrangidos com a situação. “Acreditamos que esse mutirão pela internet vai incentivar as pessoas a negociar suas dívidas e sair dessa situação que causa diversos transtornos na vida de qualquer cidadão, muitas vezes motivada por fatores como uma doença na família ou desemprego”, avalia.

Para participar do mutirão online, basta o consumidor fazer o seu registro na plataforma, quando receberá um login e senha. Nesse momento, o consumidor fará o relato do seu problema, devendo informar que deseja participar do mutirão de renegociação de débitos. Após finalizar o registro, o banco ou instituição financeira tem o prazo de 10 dias para apresentar uma proposta ou resposta para o consumidor.

No momento do preenchimento do registro, é imprescindível que o consumidor informe corretamente seus telefones e e-mail para contato, pois esses dados facilitarão o atendimento por parte dos bancos e instituições financeiras participantes. O Procon-BA orienta ainda que o consumidor, no seu relato, informe que está participando do mutirão, com a seguinte hashtag: #MutiraoProconsBrasil

Terminado o prazo para resposta do fornecedor, o consumidor tem o prazo de 20 dias para avaliar o retorno dado.

Bahia Noticias

Bahia vence Corinthians na Fonte Nova e sai da zona de rebaixamento


O Bahia respira no Campeonato Brasileiro. Em uma noite eficiente, o tricolor venceu o Corinthians por 2×1, nesta quinta-feira (28), ultrapassou o Fortaleza – no número de vitórias -, e saiu da zona de rebaixamento.

O atacante Gilberto e o meia Ramírez, ambos no primeiro tempo, marcaram os gols que garantiram ao Esquadrão a 16ª colocação no Brasileirão, com 35 pontos. Gabriel descontou para o time paulista.

O próximo compromisso do Bahia na Série A será no domingo (31), quando visita o Vasco, em São Januário, em mais um confronto direto na luta contra o rebaixamento.

Eficiente
Diante de um adversário que optou por uma postura mais defensiva nos primeiros minutos, o Bahia iniciou o a partida com mais posse de bola, mas também dificuldade para construir as jogadas e furar o bloqueio montado pelo Corinthians no meio-campo.

A estratégia do tricolor passava pelas bolas longas, principalmente nos lançamentos de Lucas Fonseca e Gregore, que tentavam encontrar o lateral Nino Paraíba na direita.

Aos poucos, o panorama foi se invertendo. O Corinthians passou a ficar mais solto na partida, com mais posse e ocupando o campo do Bahia. Aos 20 minutos, Jô ajeitou de cabeça e deixou Gustavo Silva em boa condição. O atacante chutou cruzado e a bola passou raspando a trave de Douglas.

Com facilidade para penetrar a defesa do Esquadrão, o alvinegro criava boas chances. Aos 27 minutos, Araos escapou pela esquerda e tocou para Jô. O atacante invadiu a área e chutou com perigo, mas Douglas fez a defesa.

Quando o gol do Corinthians parecia maduro, brilhou a estrela tricolor. Aos 30 minutos, Rossi cobrou falta na área, Cássio cortou mal, Ronaldo errou o chute no rebote, mas a bola sobrou para Gilberto completar de cabeça e abrir o placar para o Bahia na Fonte Nova.

O time baiano tomou um susto aos 38 minutos. Depois do escanteio, Araos recebeu livre e tocou de cabeça na saída de Douglas. O árbitro de vídeo entrou em ação e flagrou impedimento do meia corintiano, anulando o gol.

A noite era mesmo do Bahia. Aos 49 minutos o Corinthians errou no ataque e Thiago puxou o contra-ataque e achou Ramírez na entrada da área. O colombiano deixou Gil e Fábio Santos no chão antes de chutar forte na saída de Cássio e fazer um golaço, o segundo do Esquadrão na partida.

Vantagem administrada
Com o 2×0 no placar, o Bahia voltou para a segunda etapa mais confortável. O terceiro gol quase saiu logo nos primeiros minutos. Depois de arrancar pela direita, Rossi deu passe açucarado para Thiago, mas o camisa 7 chutou em cima de Cássio e perdeu uma boa chance.

A resposta do Corinthians veio em tentativa de finalização de Jô que Ernando salvou quase que em cima da linha.

Assim como na primeira etapa, o jogo passou por um momento de marasmo, com poucas chances criadas pelas duas equipes. Dado aproveitou para fazer mudanças. Machucados, Lucas Fonseca e Matheus Bahia saíram para as entradas de Juninho e Capixaba, respectivamente. Já Ramírez deu lugar para Ramon.

E foi com Juninho Capixaba que o Bahia teve a chance de marcar o terceiro. No contra-ataque, o lateral invadiu a área livre e cruzou rasteiro, mas ninguém apareceu para completar.

Do outro lado, o Corinthians aproveitou a chance que teve. Aos 25 minutos Gabriel Pereira deu bom passe para Gabriel dentro da área. Livre, o volante tocou na saída de Douglas e descontou para o Corinthians.

Apesar do gol sofrido, o Bahia continuou segurando a vantagem e tentando encaixar o contra-ataque para tentar matar o jogo. Aos 33, Gilberto conseguiu receber livre e chutou forte, mas Cássio defendeu. Depois foi a vez de Juninho tentar de cabeça e parar no goleiro alvinegro.

Já nos minutos finais, o Corinthians se lançou ao ataque, mas o tricolor se segurou bem, administrou o placar e esperou o apito do árbitro para comemorar o triunfo na Fonte Nova.

Ficha técnica

Bahia 2×1 Corinthians
Série A: 30ª rodada
Local: Fonte Nova (Salvador-BA)
Arbitragem: Ricardo Marques, auxiliado por Guilherme Dias Camilo e Celso Luiz sa Silva (trio de MG)
Gols: Gilberto, aos 38 minutos do 1º tempo, e Ramírez, aos 49; Gabriel, aos 25 minutos do 2º tempo
Cartões amarelos: Gregore, Ramírez (Bahia); Jô (Corinthians)

Bahia: Douglas, Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca (Juninho) e Matheus Bahia (Capixaba); Gregore, Ronaldo e Ramírez (Ramon); Rossi (João Pedro), Gilberto (Alesson) e Thiago. Técnico: Dado Cavalcanti.

Corinthians: Cássio, Fagner, Bruno Méndez, Gil e Fábio Santos (Raul Gustavo); Gabriel, Cantillo (Camacho) e Araos (Jonathan Cafu); Gustavo Silva (Gabriel Pereira) (Gabriel Pereira), Mateus Vital (Éderson) e Jô. Técnico: Vagner Mancini

Correio24