Simões Filho: População conta com fisioterapia voltada ao tratamento da incontinência urinária


A Prefeitura de Simões Filho, cidade da Região Metropolitana de Salvador (RMS), amplia ofertas de serviços e passa a disponibilizar para a população, pela primeira vez na história do município, fisioterapia voltada ao tratamento da incontinência urinária, fecal e outros, melhorando a qualidade de vida da população.

“Essa é a primeira vez que os simõesfilhenses contam com esse atendimento, sem falar que nós somos um dos poucos municípios que ofertam o tratamento especializado dessa disfunção, totalmente gratuito, através do Sistema Único de Saúde, acolhendo mulheres e homens. Uma conquista e consolidação de mais um compromisso da administração do nosso gestor Dinha Tolentino”, pontuou Poliana Venas, secretária de Saúde.

A fisioterapia visa à reabilitação do paciente, reeducando a bexiga, fortalecendo os músculos do assoalho pélvico, produzindo melhora e/ou cura. Auxilia também no pré e pós operatório, intensificando os resultados cirúrgicos obtidos, melhorando ainda a qualidade psicológica, autoestima e a qualidade de vida dos pacientes.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia, a incontinência urinária atinge 35% das mulheres com mais de 40 anos, após a menopausa e em 40% das gestantes. Cerca de 5% da população (homens e mulheres) sofre de incontinência.

Os músculos que constituem o assoalho pélvico têm como objetivo controlar a urina e as fezes e sustentar vários órgãos, mas devido ao envelhecimento, doenças, cirurgias ou partos múltiplos, os músculos perdem força e resultam em vários problemas que podem ser bastante desconfortáveis e, até mesmo, limitantes. Dessa forma, a fisioterapia é extremante necessária.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *