Direito à informação: Vereador pede cobertura da rádio Simões Filho FM nas sessões da Câmara


Durante a sessão desta terça-feira (05) na Câmara de Vereadores de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), o vereador Cleiton Boly Boly trouxe de volta à tona um assunto que para muitos tinha sido dado como resolvido: a viabilidade de acesso da população as sessões ordinárias.

De acordo com o edil, embora a mudança de horário das sessões tenha sido aprovada pela maioria dos edis, no início do pleito em 2017, muitos munícipes deixaram de participar e acompanhar as decisões do parlamento municipal, que é de interesse de toda a população, pela dificuldade de deslocamento no período da noite.

Outra reivindicação apontada pelo vereador é a volta da transmissão ao vivo das sessões pela rádio Simões Filho FM, 87.9, que também era uma ferramenta de acesso a população e que foi suspensa na gestão do então presidente, Genivaldo Lima.

“Eu venho nesta tribuna defender o retorno da Simões Filho FM nesta casa e que o próximo presidente que venha a administrar esta casa possa repensar, porque a Simões Filho FM não pode ficar de fora. As pessoas precisam ficar informadas e nós sabemos que nem todo mundo tem essa oportunidade de poder participar das sessões, principalmente os cadeirantes, portadores de necessidades especiais”, ressaltou o edil.

Resultado de imagem para simoes filho fm

Para Boly, a imprensa ocupa um lugar de extrema importância para a democracia e no caso da rádio, em especial, por ser um veículo de comunicação em massa, que alcança pessoas que inclusive ainda não dispõem do acesso a internet.

“Eu defendo o retorno da rádio por entender a importância de uma rádio comunitária e da imprensa da cidade. O que seria de nós sem a imprensa na nossa cidade, que trazem de fato as informações com credibilidade. Se não fosse a imprensa, nós vereadores hoje também não estaríamos aqui, então é um fator importante principalmente, na vida pública”, declarou ele.

O vereador ainda salientou a importância dos sites que fazem a cobertura da sessão e agradeceu ao Mapele News por reportar os fatos de maneira democrática e acima de tudo imparcial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *