SUS: Testes rápidos de chikungunya realizados em Laboratório em Simões Filho podem ser liberados ainda este ano

Os testes rápidos de chikungunya desenvolvidos pela Bahiafarma, laboratório localizado no município de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador,  poderão ser liberados ainda este ano na rede pública de Saúde. De acordo com o Jornal ‘Correio’, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, recomendou que o presidente do laboratório acelerasse o processo junto à Agência … Leia Mais






Dia Mundial da Gentileza é reforçado por campanha de empresa em Simões Filho


Para marcar de forma especial o 13 de Novembro, “Dia Mundial da Gentiliza”, a Porto Seguro Sucursal-BA, Unidade de Simões Filho,  realiza entre os dias 10 e 12 deste mês, uma ação que abre a oportunidade da população refletir de como ser gentil no trânsito pode contribuir para praticar a paciência, a tolerância e acima tudo a paz, em tempos que a violência também tem demonstrado sua maléfica atuação no trânsito. A ação consiste na distribuição de material informativo e adesivos da campanha Trânsito+gentil, que incentiva mais ainda como o poder da gentiliza poder gerar benefícios para o público de motoristas, passageiros, ciclistas, motociclistas e pedestres.

“O que o Porto Seguro Auto tem estimulado com a campanha é espalhar a gentileza e o sentimento de que precisamos respeitar para sermos respeitados”, declarou o gerente da Sucursal-BA, Eduardo Scartezini.

Resultado de imagem para gentileza no transito

A campanha que apresenta o conceito fundamental de se preocupar com o bem-estar dos outros, além de agregar o fortalecimento de ações de civilidade, é uma oportunidade também dos clientes tomar ciência porque ao realizarem os serviços no local vão concorrer a um alinhamento e balanceamento, e, na troca do óleo para carro de passeios (veículos não importados), o filtro será gratuito. Os Pit Stops, com serviços gratuitos de cristalização de para-brisa, diagnóstico de bateria e distribuição de brindes, acontecerão nos Centros Automotivos Porto Seguro.

O atendimento será feito por ordem de chegada, das 9h às 12h. A ação, intitulada Pit Stop, é realizada frequentemente pela seguradora em todo o País, e tem por objetivo incentivar os motoristas a realizarem a revisão regular.

A Unidade em Simões Filho fica localizada na Av. Engenheiro Elmo Serejo Farias, 1571 – Centro. Já em Camaçari que também realiza a campanha, a Unidade fica na Rua Eixo Central, 60 – Centro. A sede Porto Seguro, está localizada na Av. Antônio Carlos Magalhães, 2719 – Parque Bela Vista, na capital baiana.

Trânsito+gentil – é uma campanha que vem sendo disseminada para criar um trânsito melhor e uma cidade mais gostosa de se viver. Afinal, gentileza gera gentileza e praticar a cordialidade melhora o dia a dia de todo mundo. A melhor maneira de praticar a gentileza é se colocar no lugar de quem está dirigindo, pedalando, pilotando ou andando nas ruas. Acesse http://www.transitomaisgentil.com.br/ e saiba mais.

Sobre o Porto Seguro

Atualmente, mais de 275 unidades de Centros Automotivos Porto Seguro no Brasil fornecem manutenção, reparo e revisão, por meio de equipamentos avançados e de peças com garantia de fábrica. Na Bahia, existem dez Centros Automotivos localizados em Salvador, nos bairros Iguatemi e Imbuí, além de unidade em Lauro de Freitas, Camaçari e Simões Filho; e no interior, nas cidades de Ilhéus, Vitória da Conquista, Feira de Santana, Barreiras e Luis Eduardo Magalhães.


Sob lágrimas do Céu: Assustados com a violência que toma conta de Simões Filho, estudantes realizam Caminhada da Paz


Estudantes do Colégio Municipal Padre Luiz Palmeira e Colégio Estadual Alberto Siva, em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), na manhã desta quinta-feira (10), realizaram uma “Caminhada da Paz” pelas principais avenidas do centro da cidade. O município nos últimos dias vem enfrentando momentos de medo e angústia com o crescimento desenfreado da VIOLÊNCIA na cidade. Com um tom de resgatar o sentimento de paz, após a morte do aluno, Rhavier Henrique Teles, vítima de latrocínio, no dia 18 de outubro, um trabalho desenvolvido pela psicóloga Margarete Chies com os discentes resultou na caminhada em homenagem ao ex-aluno.

https://scontent-gru2-1.xx.fbcdn.net/v/t35.0-12/

Cansados de tanta violência, diversas caminhadas estão sendo realizadas por diversas comunidades a fim de chamar a atenção das autoridades estadual e municipal.

O jovem Rhavier Henrique, 16 anos, deixou para os amigos e colegas, um belo exemplo de caráter e infelizmente teve sua vida ceifada pela violência que assusta moradores do município. Nas mentes dos estudantes ficaram a lembrança de um adolescente cheio de sonhos e extrema alegria de viver, além, da sua dedicação ao trabalho na conquista dos seus ideais.

https://fb-s-d-a.akamaihd.net/h-ak-xpl1/v/t34.0-12/

Após a morte do amigo, também ficaram a revolta pelo sentimento de insegurança que perdura há muitos anos no município que, embora, seja a 6ª economia da Bahia e gozar de prestígio com o Governo do Estado, ainda assim, o sentimento da população é de total insegurança. As Polícias Civil e Militar realizam um grande e significativo trabalho, mas com o pouco efetivo, populares reclamam que a cidade amarga uma extrema rejeição por parte do Governo do Estado.

A Caminhada pela Paz começou em frente à escola, próximo ao pátio da prefeitura. Com balões em mãos, os estudantes marcharam e apresentaram para os municípes que vivem o dia a dia na cidade, que é hora de “despertar e sensibilizar na promoção da paz”. O movimento finalizou na Praça da Bíblia. No local, os estudantes fizeram uma corrente e de mãos dadas abraçaram simbolicamente a Bíblia, um grande símbolo e ferramenta acessível a todos os nobres conceitos de paz.

Um dos momentos marcantes, pra quem participaram da Caminhada; foi o ato em que estudantes ergueram para os céus duas pombas brancas e as lindas aves voaram calmamente e unidas revelando que é urgente a cultura da paz.

jhjjhjh

Para a equipe de reportagem, a idealizadora e psicóloga Margarete Chies revelou que após a morte do jovem Rhavier, ela iniciou um trabalho com os alunos, através, de grupos terapêuticos, onde foi confeccionado cartazes em que os discentes puderam externar seus sentimentos. A ação demonstra a importância do papel da área da Psicologia nas escolas para promover algo eficaz que é a criação de vínculos.

Ainda de acordo com a psicóloga, o trabalho desenvolvido proporcionou um espaço de acolhimento e escuta especializada, principalmente, em um momento em que os alunos sentiam a extrema perda do amigo que de forma estúpida e desrespeitosa por tudo o que de mal representa a violência, maltrata mais ainda, a família que perdeu seu ente querido e que amarga a ausência irreparável.

 

https://scontent-gru2-1.xx.fbcdn.net/v/t34.0-12/

O ápice do trabalho desenvolvido com os alunos, finalmente, contribuiu para a melhoria e retomada das atividades escolares. Em mais uma Caminhada da Paz registrada nas ruas de Simões Filho, nesta manhã de quinta-feira, um sinal pode ser observado: “Sob Lágrimas do Céu”, a chuva simbolizou o sofrimento dos corações que ainda estão dilacerados e que buscam a fé em Deus para que realmente a cicatrização aconteça com o tempo.

https://fb-s-a-a.akamaihd.net/h-ak-xlt1/v/t34.0-12/

O movimento não representou um protesto; nem uma manifestação, mas uma Caminhada da Paz que revela a tristeza e indignação visíveis nos semblantes de populares; que acompanharam o ato e que durante anos sentem que apesar de fazer o papel de confiar, através, do voto suas escolhas, os poderes públicos ainda perpetuam o olhar da distância e do descaso.https://fbcdn-sphotos-g-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xpf1/v/t34.0-12/

“Cada dia que passa eu tenho mais medo de sair de casa. A gente acha que pode ser roubada a qualquer hora do dia. E agora a situação está extremamente fora do controle. Eu moro em um Condomínio do “Minha Casa Minha Vida” e estou já pensando abandonar. Não existe segurança, o que nós mais sentimos é a dor da total insegurança, enquanto, os representantes dos poderes públicos, gozam de segurança e de paz em seus belos e aconchegantes apartamentos”, declarou extremamente revoltada uma munícipe, que embora pediu que não a identificasse, fez questão de procurar a reportagem.

A lembrança do jovem Rhavier Henrique alimentou a mobilização popular de que “Basta de violência em Simões Filho e a população exige mais segurança”.


Simões Filho: Trabalhadores que não sacaram abono do PIS-Pasep 2014 prazo termina em 30 de dezembro


Trabalhadores de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), que ainda não sacaram o abono salarial Pis/Pasep ano-base 2014, tem até o dia 30 de dezembro para procurar uma agência bancária e realizar o saque do benefício.

Na Bahia, mais de 11 mil trabalhadores não sacaram o abono e em todo 948.288 trabalhadores têm esse dinheiro esperando para ser sacado e ainda não apareceram.

Têm direito ao abono salarial ano-base 2014 quem está inscrito no Pis/Pasep há pelo menos cinco anos; tenha trabalhado com carteira assinada pelo menos 30 dias em 2014 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos; e tenha seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O valor do abono ainda segue a regra antiga, é de um salário mínimo (R$ 880) e pode ser sacado em agências da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil.


Estudantes de Una e Simões Filho ocupam escolas contra PEC que limita investimentos


Um colégio em Una, no Litoral Sul baiano, foi ocupado por estudantes contra a PEC 55 [a mesma PEC 241 aprovada na Câmara] e o projeto de reforma do ensino médio. Caso seja aprovada, a PEC 55 pode congelar investimentos públicos, incluindo educação e saúde, por até 20 anos.

Estudantes de Una e Simões Filho ocupam escolas contra PEC que limita investimentos

Os alunos disseram que vão ficar no local por tempo indeterminado. Segundo o G1, a ocupação foi confirmada nesta quarta-feira (9) pela assessoria da secretaria de educação do município. Um estudante do terceiro ano da escola afirmou que mais de trinta alunos estão acampados no local sem data para se retirarem.

Em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), estudantes também ocuparam o Centro Estadual de Educação Profissional em Servicos e Processos Industriais Irmã Dulce. Eles também criticam a PEC. Em nota, a secretaria de educação de Simões Filho declarou que respeita o movimento dos estudantes secundaristas.


Por conta de projetos para Habitação, município de Simões Filho deverá ganhar mais um CEP


Para acompanhar o vetor de expansão projetado para o município de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), nos próximos anos, principalmente, após projetos encaminhados para o Ministério das Cidades e que primam pela continuidade das articulações que deverão ser adotadas pelo novo Governo Municipal, a partir de 2017, para atender a demanda de  moradias de cerca de 30 mil pessoas de renda baixa, um novo Código de Endereçamento Postal (CEP), deverá ser adotado no município.

Atualmente todo o território simões-filhense, possui um só CEP, o 43700-000 e com mais uma nova codificação, a medida irá facilitar a distribuição de correspondência do município que dentro de sua região se apresenta com um grande potencial de crescimento, e surpreendente vetor de expansão, sobretudo, pela questão logística e que favorece à aproximação com a principal via federal, Porto de Aratu, Centro Industrial de Aratu, Polo Petroquímico, rodovias estaduais, entre outros modais.

Devido ao crescimento, as articulações para implantação do novo CEP, partiu de uma junção da Câmara Municipal de Vereadores com o Poder Executivo, onde foi criado uma Comissão. “Fizemos vistorias, tivemos algumas dificuldades, mas por fim, conseguimos levantar mais de 3.500 logradouros em todo o miolo do centro de Simões Filho”, esclareceu em entrevista exclusiva ao “Mapele News”, o secretário de Habitação Virgílio Daltro.

A planta que já foi entregue pela pasta da Habitação contou ainda com a colaboração da SEDUR – Secretaria Estadual de Desenvolvimento Urbano e da CONDER – Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia.

Em entrevista, Daltro revelou que o Correios já mandou uma listagem e todas as providências já foram desenvolvidas pela secretaria.

A implantação do novo código se justifica ainda pela necessidade de expandir o crescimento, através, do Plano Local de Habitação de Interesse Social (PLHIS), após estudo que identificou cerca de 47 áreas com ocupações desordenadas no município e com o levantamento feito  pela atual gestão, fortalecer a possibilidade do novo governo ampliar a questão de moradias em Simões Filho para a população de baixa renda a partir de 2017.