Eduardo Alencar responde duramente as declarações de Dinha sobre aterro sanitário:” Omisso, incompetente ou mentiroso”

Em entrevista na manhã desta segunda-feira (19), o prefeito de Simões Filho, Diógenes Tolentino afirmou que não tem responsabilidades sobre o processo de licenciamento para implantação do aterro sanitário da empresa Naturalle Tratamento de Resíduos Sólidos no município. “A nossa gestão não participou absolutamente de nada. A não ser agora, que a Secretaria de Meio … Leia Mais





Trem do Forró é marcado por muita animação em Simões Filho

Da Estação da Praça Noêmia Meireles Ramos, no Centro, até o distrito de Mapele não faltou animação e muito arrasta pé na viagem do Trem do Forró. Quem embarcou neste sábado (17) nos vagões da locomotiva, que receberam ornamentação junina, não conseguiu ficar parado. Organizado pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult), em parceria com a … Leia Mais


PM intensifica rondas e abordagens nos distritos de Mapele e Ilha de São João durante o mês de junho


Com o propósito de reforçar a segurança da população, a Polícia Militar aumentou as ações preventivas nas imediações dos distritos de Mapele e Ilha de São João, no município de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS).

Na tarde desta sexta-feira (16), a patrulha 9.2211 iniciou a ação realizando diversas abordagens nas localidades. A iniciativa faz parte do plano de comando do Major Fábio Dias, através do Tenente Bastos, responsável por monitorar a zona rural do município, incluído as comunidades de Cotegipe Santa Luzia e o entorno.

As abordagens policiais acontecem no sentido de inibir a atuação de infratores que almejam a prática de delitos, como assalto a pessoas e estabelecimentos comerciais, furtos a residências e outras diversas modalidades de crime, além do uso de entorpecentes.

Ação também possibilita o aumento da sensação de segurança e permite que as comunidades que tradicionalmente realizam os festejos juninos, possam brincar o São João com mais tranqüilidade.

Desde que assumiu o comando da 22ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), o Major Fábio Dias tem usado como lema a frase “a polícia e a comunidade juntas na corrente do bem”. De acordo com o comando, a relação de aproximação entre a corporação e a população é imprescindível para diminuir os altos índices de violência registrados na cidade.


Em Busca de Um Sonho: Atleta simõesfilhense pede ajuda para embarcar para a Alemanha


O atleta simõesfilhense Udirlei Rosário dos Santos, de 28 anos, jogador profissional de futebol a mais de 12 anos, tem feito um apelo social as autoridades públicas e aos empresários locais no sentido de arrecadar recursos que possibilitarão uma viagem para o exterior, no próximo dia 15 de julho.
Udirlei que recentemente recebeu uma proposta de um clube de futebol alemã tem menos de 30 dias para providenciar o valor da passagem, bem como das despesas com alimentação e translado até a chagada no clube.

O jogador, que foi revelado em Simões Filho já passou por vários clubes do futebol brasileiro como Brasiliense, Gama, Fluminense-MG e CFZ. Em 2014, o atleta precisou interromper sua carreira por falta de patrocínio, mas, ainda assim conseguiu manter a preparação física e treinamento individual.

“Eu conto com a solidariedade do povo e dos empresários de Simões Filho para que possa me ajudar nesta viagem, que é na verdade uma realização de um sonho pessoal e profissional. Através desta oportunidade, eu estarei realizando o sonho também de muitas pessoas que estão inclusas neste projeto, tanto familiar quanto os meus amigos mais chegados. Tenho a certeza que com essa oportunidade, obterei várias maneiras de transformar a minha vida e a vida de muitas pessoas” disse ele.

Quem tiver interesse em ajudar o atleta poderá entrar em contato através do telefone (71) 9 8637-7944.


Moradores denunciam situação de abandono no Mercado Municipal: “crianças vivem no meio de sujeira e animais”


Alguns moradores do município de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS) chamaram a atenção das autoridades públicas sobre a situação de abandono do Mercado Municipal. De acordo com a comunidade, além de melhorias na estrutura física, falta fiscalização, higienização e ordenamento dos comerciantes.

“O que está acontecendo lá dentro do Mercado é sujeira, cachorros, crianças sendo criadas dentro do estabelecimento junto com moradores de rua, alcoólatras e tantas outras coisas que a gente vê ali”, revelou um morador do Parque Continental.

Segundo as informações, falta um ordenamento por parte dos feirantes, que deixam suas mercadorias expostas à contaminação dos animais que circulam livremente pelo local, como cachorros e gatos.

“São animais abandonados. Alguns até agressivos que além da sujeira que provocam, podem vir a agredir as pessoas. Eu já soube de casos de pessoas agredidas por esses cães, inclusive crianças”, disse o morador.

A outra questão, que na concepção da comunidade precisa de uma intervenção urgente das autoridades públicas, é sobre a frequência de crianças no local. Para os moradores, uma ação do conselho tutelar ou de outros órgãos competentes deveria acontecer no sentido de fiscalizar a situação.

“Quem for lá vai constatar que é verdade. Acontece a qualquer hora do dia. Praticamente as crianças que são filhas dos comerciantes estão sendo criadas naquelas condições precárias. Eu mesmo presenciei sábado um homem soldando uma peça e a criança passou pertinho da solda, correndo o risco de se machucar”, disse outro morador do Cia I.

As péssimas condições de funcionamento da feira estão sendo discutidas há muito tempo em Simões Filho. Em fevereiro deste ano, a prefeitura em parceria com a Conder, realizou uma visita técnica para dar início aos estudos que viabilizarão a requalificação de toda a estrutura do local, porém até o momento nada foi feito.


Dois suspeitos de sequestro morrem em confronto com PMs em Simões Filho


Dois suspeitos de sequestro morreram após uma perseguição policial que começou em Salvador e acabou em Simões Filho, na região metropolitana, na tarde de quarta-feira (14). De acordo com informações da Polícia Militar, agentes da Operação Apolo faziam rondas na Estrada das Barreiras, por volta das 14h, quando perceberam que o motorista de carro branco que passava pelo local fez um sinal com a mão, indicando que estava em apuros.
Segundo a PM, a guarnição começou a acompanhar o veículo para fazer a abordagem, mas, ao chegar na BR-324, perto da Estação Pirajá, perdeu o carro de vista. A polícia informou que os agentes continuaram as buscas na região e, ao chegarem na rotatória da Via Torres, na região do CIA, em Simões Filho, o veículo foi novamente visto pelos policiais.
 .
Conforme a polícia, o condutor do carro parou o automóvel e conseguiu sair. Os dois suspeitos saíram do veículo e dispararam contra os policiais, que revidaram e atingiram os criminosos. Os homens foram socorridos pelos PMs para o Hospital do Subúrbio, mas não resistiram aos ferimentos.
.
A Polícia Militar informou que, com eles, foram encontrados uma pistola inox, calibre 380 e um revólver oxidado calibre 38.
 .
Segundo a PM, o dono do veículo foi levado para ser ouvido na Corregedoria da Polícia Militar, para onde o carro também foi levado. Em seguida, a vítima foi encaminhada para a Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), onde a ocorrência foi registrada.
Por Redação BNews

Noite de Pânico, medo e terror volta a ocorrer em escola de Simões Filho


Uma escola localizada no Centro da cidade de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador foi invadida por um grupo de cinco meliantes armados, na noite desta quarta-feira (14), em pleno horário de aula.

De acordo com informações de uma aluna da Escola Estadual Alberto Silva, por volta das 21:30h, os assaltantes renderam diversos discentes de forma violenta,  exigindo que os mesmos entregassem seus objetos pessoais imediatamente.

“Eles chegaram pedindo pra passar tudo e dizendo que era o Trem Bala, foi um terror, muita gente passou mal”, relatou a estudante que preferiu não se identificar.

Ainda segundo informações, uma professora teria se trancado dentro de um dos banheiros da unidade escolar, para se livrar dos assaltantes, mas a sensação de pavor foi tão grande que a docente chegou a desmaiar.

Esta situação de invasão e roubo em escolas de Simões Filho é a segunda ocorrência em menos de 30 dias. Uma ação semelhante aconteceu no colégio Padre Luiz Palmeiras, no último dia 15 de maio, quando cinco homens fortemente armados tomaram de assalto professores, estudantes e funcionários da instituição, fugindo pelos fundos em seguida.

Após a ação, os gestores resolveram suspender as aulas no período noturno até que uma medida de segurança emergencial fosse tomada, no sentido de assegurar a integridade física dos estudantes.

Em resposta a comunidade escolar, a prefeitura disponibilizou uma viatura da Guarda Municipal para realizar rondas noturnas no entorno do colégio, porém, pelo que consta os meliantes não se sentiram intimidados, uma vez que, o Alberto Silva fica a apenas alguns metros de distância do Luiz Palmeiras, e em tão pouco tempo a ação violenta acabou se repetindo.

Informações apuradas pelo repórter Valfredo Silva