Em defesa do Orgulho LGBT, 8ª Parada Gay do CIA I agita Simões Filho

Em defesa do Orgulho LGBT (Gays, Lésbicas, Bissexuais, Transsexuais), a 8ª Parada Gay do CIA I movimentou um expressivo número de foliões, neste domingo (04), em Simões Filho. Com o tema: “Por uma Simões Filho sem machismo e sem homofobia – Queremos Respeito”, o evento teve início às 15h, em frente ao leilão e percorreu … Leia Mais


‘O Alegria Alegria’, Ataíde Barbosa volta a narrar na Transamérica

A partir desta semana, um dos grandes nomes da história do rádio esportivo, Ataíde Barbosa, apelidado de “Alegria Alegria”, voltará a narrar um jogo de futebol. O radialista simõesfilhense vem se consolidando como um dos melhores narradores da Bahia. Com vasta experiência e passagens por diversos veículos de comunicação, entre eles, Tudo FM, Líder FM, Cristal AM, Radio Sociedade … Leia Mais


Candidato da oposição Dinha Tolentino e Sid Serra cumpre agenda de campanha neste sábado (03)

A coligação “A Mudança começa Agora”, encabeçada pelo candidato Dinha (PMDB), continua cumprindo agenda intensa de campanha com encontros políticos, visitas nas comunidades e caminhadas pelo município. Dinha Tolentino (PMDB) e Sid da E-mail (PSDB), candidatos a prefeito e vice cumpriram a campanha política neste sábado (03), com concentrações no escritório político e visitas no … Leia Mais




Simões Filho: Escolas Estaduais promovem IV Mostra de Talentos Estudantis


Na próxima terça-feira (06), acontece em Simões Filho, a IV Mostra de Talentos Estudantis das Escolas Estaduais. O evento que valoriza e quebra o anonimato dos jovens talentos da cidade, terá início a partir das 13h, na Praça da Bíblia.

Na oportunidade, os estudantes das escolas estaduais farão apresentações das diversas formas de manifestações artísticas, como: dança, música, teatro, literatura, entre outros. O evento promove a junção dos projetos culturais que acontecem periodicamente na rede estadual de ensino como: Festival Anual da Canção Estudantil (FACE), Tempos de Arte Literária (TAL), Artes Visuais Estudantis (AVE) e Dança Estudantil (DANCE).


Estudantes das escolas estaduais de Simões Filho farão protesto no desfile de 7 de setembro. “Educação em Luto”


Alunos das escolas estaduais de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), prometem realizar um protesto inédito no desfile cívico de Independência do Brasil que ocorrerá na próxima quarta-feira (07), no centro da cidade. Ainda sem soluções plausíveis, os discentes da Escola Reitor Miguel Calmon, localizada no bairro do Ponto Parada garantem que será um protesto grandioso pela gravidade da situação e total sucateamento das estruturas das instituições de ensino.650x375_colegio-reitor-miguel-calmon_1652106

“Estamos lutando por todos os colégios estaduais de Simões Filho”, afirmou o aluno Daniel William, diretor de imprensa do grêmio estudantil. O protesto conta com o apoio de oito escolas estaduais do município. “Será um movimento histórico”, acrescentou.

De acordo com Daniel que estuda no Colégio Estadual Reitor Miguel Calmon, a situação é lamentável e mesmo com diversos protestos, inclusive, com a ocupação que ocorreu no mês de julho, a Secretaria Estadual de Educação ainda não resolveu os sérios problemas que os alunos enfrentam. Mesmo com a manifestação organizada pelos alunos no mês de julho em frente a Secretaria Estadual de Educação, na capital baiana, a demanda não foi atendida.https://scontent-grt2-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/

“Não temos papel para imprimir as provas da 3ª unidade, sem falar que a escola está sem segurança. Durante a noite as salas de aulas às vezes contam com uma lâmpada e nós estamos no escuro”, disse o aluno que garante que após a demissão de um vigilante, a escola está vulnerável a ação dos meliantes.

Com o objetivo de chamar atenção do governo do Estado da Bahia, os alunos irão se concentrar no pátio da prefeitura, a partir das 7h na quarta-feira (07). Desfilando de camisas pretas e com um mini trio, os estudantes seguirão em silêncio nas principais ruas do centro de Simões Filho.

Em entrevista, Daniel William revelou que no momento em que passarem pelo palanque principal do ato cívico, o mini trio será ligado e em plenos pulmões a gritos de ordem e com dois caixões, os estudantes em ato simbólico enterrarão o secretário de Educação Walter Pinheiro e o governador Rui Costa.14212637_978196378992234_8703283855364761851_n

“Estamos cheios de conversas e só cancelaremos o movimento se tiver ação. Já tentamos de várias formas e não tivemos resultados, portanto, o protesto será histórico e iremos parar o 7 de setembro. A educação está em luto”, revelou.


MAPELE EM DESTRUIÇÃO: Moradores fazem denúncia e protestam contra empresa. “Estão acabando com nosso sustento”


Pescadores e marisqueiros do distrito de Mepele, em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador em defesa do meio ambiente e da sobrevivência de suas famílias, organizaram de forma pacífica na tarde desta quinta-feira (01), um protesto contra a empresa Belov Engenharia que fica localizada no final de linha da comunidade. O protesto é devido uma área do mar que está sendo soterrado e os moradores estão sendo prejudicados.

https://scontent-grt2-1.xx.fbcdn.net/v/t34.0-12/

A reportagem do ‘Mapele News’ acompanhou o protesto realizado pelos pescadores, marisqueiras e diversas pessoas que apóiam a reivindicação e o clima era de agitação e revolta. Com palavras de ordem a plenos pulmões, os moradores pedem que as obras sejam paralisadas para que mantenham suas condições de sobrevivência. As pessoas que são humildes vivem com a pesca.https://scontent-grt2-1.xx.fbcdn.net/v/t34.0-12/

Os moradores relatam que estão preocupados por terem seus direitos de sobrevivência impedidos com a realização da obra no local, além disso, um pescador que não quis identificá-lo disse que teria sido ameaçado por um funcionário da empresa. “Ele me disse que estou falando demais, ao questioná-lo sobre esta triste situação. Acabaram com tudo. O lugar que é ganha pão da gente eles acabaram tudo”, desabafou.

A equipe de reportagem percorreu a área e verificou que alguns peixes estavam boiando no mar, em decorrência da obra que está sendo realizada pela empresa. De acordo com informações dos pescadores, funcionários da Belov teriam revelado que a empresa conseguiu a licença ambiental. Sem saber como a empresa adquiriu o documento, os pescadores e marisqueiros discordam da realização da obra e considera a situação como um grave crime ambiental que compromete a sobrevivência das famílias.5de52ccc-ae90-4475-ba9d-0325003e40f2

“Eles não podem tomar o mar porque é nosso ganha pão”, disse uma das marisqueiras que contou com o apoio de outras mulheres que também sobrevivem com a atividade. “Aleixo [dono da empresa], tem que parar com isso. Já tomou uma parte e eles querem tomar todo o mar”, acrescentou a marisqueira que fez um questionamento. “Como vamos sobreviver?”. https://fbcdn-sphotos-e-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xpl1/v/t34.0-12/

O protesto contou com o apoio de pessoas da comunidade do Quilombo do Rio dos Macacos. Uma das líderes, Rosimeire em entrevista fez um apelo.

“Eles estão matando nossas famílias porque aqui nós sustentamos nossos filhos. Eles estão tirando nosso pescado e mariscos”, disse a quilombola.

Preocupados com a situação que afeta a comunidade de Mapele, os pescadores buscaram apoio de um dos mais antigos moradores que exerce a atividade pesqueira na região sobre o que poderia ser feito para coibir a obra no local.“Alertei que temos que procurar os órgãos competentes e a imprensa para denunciarmos e cobrar solução porque precisamos sobreviver”, declarou.https://fbcdn-sphotos-a-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xlp1/v/t34.0-12/

A situação já provocou um acidente em uma marisqueira que contou para a reportagem que ao ter sido assustada com a batida da caçamba na realização da obra, chegou a escorregar e se ferir. “Quem me levantou foi minha cunhada e eles nem foram lá ver se eu tinha machucado”, revelou.https://fbcdn-sphotos-a-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xap1/v/t34.0-12/

A reportagem procurou a direção da empresa no momento do protesto para se posicionar, mas sucesso. Uma nova manifestação está agendada para o início da manhã desta sexta-feira (02), a partir das 7h. Segundo os pescadores, com o objetivo de chamar a atenção da direção; irão fechar a estrada que dar acesso e impedir que funcionários entrem na empresa.


Presidente do PT Municipal de Simões Filho faz avaliação do impeachment. “O país mergulha num mar de incertezas”


Após o afastamento definitivo de Dilma Rousseff (PT), da presidência da República, ela que foi questionada pelos senadores na última segunda-feira (29), e disse que o atual desfecho resultaria em um “golpe parlamentar” chegando a afirmar que os parlamentares decidiram “rasgar a Constituição” ao aprovarem seu impedimento, a ex-presidente considerou que houve “machismo e misoginia”. Dilma rebateu o PMDB, partido que revela está surpreendida por tamanha “traição”. O presidente do PT de Simões Filho e Chefe do Legislativo Municipal, Joel Cerqueira, através, do aplicativo WhatsAap fez uma breve avaliação e também considerou que houve um “golpe institucional”.

índice

“Entendo que a Democracia foi construída tendo como base a vontade da maioria, uma vez que não se pode administrar com uma única vontade. A maioria dos Brasileiros escolheu a presidente através do voto, se essa vontade não está sendo respeitada simplesmente pela vontade nas urnas não condizerem com a vontade de alguns deputados e senadores e da grande mídia só podemos dizer que houve um Golpe Institucional”, afirmou Joel Cerqueira (PT).

O presidente da Câmara, disse ainda que o desfecho do processo de impeachment diferente do primeiro com Fernando Collor, já que a presidenta não teve seus direitos políticos impedidos, teria ficado “claro que o senado fez uma meia culpa preservando esses direitos da presidente”.

Ainda de acordo com o petista, o país mergulha num mar de incertezas, após o povo brasileiro se sentirem desrespeitados pela escolha, principalmente, desde quando não houve comprovação de crime de responsabilidade fiscal, além, das articulações como reuniões e jantares a cerca de um ano, para tratar do impedimento de Dilma Rousseff, como aponta uma matéria do “Estadão”. (VEJA AQUI)

“O país mergulha num mar de incertezas, pois agora um governo ilegítimo não terá moral para conduzir o destino daqueles que não compactuaram com essa manobra arquitetada pelo PMDB com Eduardo Cunha, Romero Jucá e Michel Temer”, concluiu Cerqueira.


Simões Filho: Eleitores que solicitaram primeiro título têm até esta sexta(02) para retirada do documento


Os eleitores de Simões Filho, na região metropolitana de Salvador que solicitaram o primeiro título, além, daquelas pessoas que requereram mudança de zona eleitoral; têm até sexta-feira (2) para retirar o documento. A entrega está sendo feita nos postos de atendimento ou cartório.

Para realizar o resgate, é necessário levar qualquer documento original de identificação. Vale ressaltar que o eleitor que não retirar o documento poderá votar normalmente na eleição do dia 2 de outubro. Nesse caso, bastará apresentar documento oficial com foto.

A consulta do local de votação, bem como número de zona eleitoral e seção, pode ser feita por meio do portal do TRE da Bahia. A segunda via do título poderá ser solicitada, na zona eleitoral do eleitor, até 22 de setembro. Quem perder os prazos para retirar a cédula eleitoral poderá realizar o trâmite a partir de 28 de novembro, quando o cadastro eleitoral será reaberto.