Bahia perde do Botafogo-PB na estreia da Copa do Nordeste

O reencontro do Bahia e do técnico Guto Ferreira nesta quinta-feira, 18, com a torcida em 2018 resultou em uma noite para se esquecer. Desentrosado e com alguns jogadores em noite nada inspirada, o Esquadrão foi derrotado pelo Botafogo da Paraíba por 1 a 0, na Arena Fonte Nova, em partida válida pela primeira rodada … Leia Mais


Bahia anuncia os três primeiros reforços para temporada de 2018

Após semanas de especulações, o Bahia anunciou oficialmente nesta quarta-feira (03), os três primeiros reforços do clube para a temporada 2018. Além do atacante Élber, os volantes Nilton e Élton estão confirmados.  O primeiro anunciado foi Élber, de 25 anos, que vem do Cruzeiro por meio de um contrato de três anos. O atleta foi … Leia Mais


Funcionamento: CBF e Museu Seleção Brasileira

A partir do dia 22 de dezembro, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) entra no período de recesso, retomando as atividades administrativas no dia 8 de janeiro de 2018. Durante a paralisação, o Museu Seleção Brasileira seguirá aberto, exceto nos feriados de 25/12 e 1/1. Serviço – Museu Seleção Brasileira Localizado na sede da CBF, … Leia Mais


Grêmio e Real Madrid conhecerão seus adversários neste sábado

Dois jogos, neste sábado, definem os adversários de Real Madrid e Grêmio no Mundial de Clubes da Fifa. Logo pela manhã, 11h, o Pachuca enfrentará o Wydad Casablanca. O vencedor do confronto terá a equipe comandada por Renato Gaúcho pela frente. O jogo está marcado para a próxima terça, 12, 15h. Ainda neste sábado, mais tarde, 14h30, … Leia Mais


Sorteio realizado nesta sexta-feira (01) definiu os grupos da Copa da Rússia; confira


A Federação Internacional de Futebol (FIFA) realizou nesta sexta-feira (01), em Moscou, o sorteio dos grupos da Copa do Mundo da Rússia de 2018. Com oito seleções como cabeças de chave, entre elas o Brasil, o torneio que acontecerá entre junho e julho do ano que vem já tem os confrontos da primeira fase definidos.

No discurso inicial, o presidente russo Vladimir Putin afirmou que o país “vai fazer o possível para que a festa seja grandiosa”.

“É um prazer recebê-los no Kremlin para o sorteio da Copa do Mundo. A etapa de classificação passou, e hoje os 32 melhores times de futebol do planeta vão conhecer os times com quem jogarão e as cidades onde vão jogar. Nosso país pretende realizar a Copa no mais alto nível, para que os jogadores possam demonstrar sua maestria e verdadeiro futebol.”

Gianni Infantino, presidente da Fifa agradeceu aos esforços do país-sede para a realização do Mundial:
“A tensão cresce, e se estamos hoje aqui, meu primeiro agradecimento vai para a Rússia, para o presidente Putin, o governo russo, todos os voluntários e todas as pessoas na Rússia, que trabalharam muito forte para nos trazer onde estamos, para que cheguemos a um novo estágio, mais próximo do torneio. Obrigado, Rússia!”

No palco, ex-craques de Copas anteriores foram os escolhidos para sortear as bolinhas. Entre eles, o eterno capital Cafu representou o Brasil.

Confira abaixo como ficaram os grupos:
Grupo A
Rússia, Arábia Saudita, Egito, Uruguai
Grupo B
Portugal, Espanha, Marrocos, Irã
Grupo C
França, Austrália, Peru, Dinamarca
Grupo D
Argentina, Islândia, Croácia, Nigéria
Grupo E
Brasil, Suíça, Costa Rica, Sérvia
Grupo F
Alemanha, México, Suécia, Coreia do Sul
Grupo G
Bélgica, Panamá,Tunísia, Inglaterra
Grupo H
Polônia, Senegal, Colômbia, Japão


Vitória vence de virada e rebaixa a Ponte em jogo encerrado após invasão de gramado


oi na luta e na raça. Após fazer um primeiro tempo para ser esquecido e levar dois gols em 15 minutos, o Vitória voltou para o segundo tempo com outra partida e conseguiu uma virada heroica sobre a Ponte Preta, fora de casa.

Santiago Tréllez, duas vezes, e André Lima marcaram os gols do triunfo por 3 a 2, no Moisés Lucarelli. Lucca e Danilo marcaram para a Macaca.

Com o resultado, o Rubro-negro deu um importante passo para escapar do rebaixamento e se manter na Série A. O Leão foi aos 43 pontos, ultrapassou o Coritiba e assumiu a 15ª colocação.

Os comandados de Vagner Mancini voltam a campo no próximo domingo (2), contra o Flamengo, no Barradão.

O JOGO

Com atuação de time que quer ser rebaixado, o Vitória padeceu no primeiro tempo. Com uma atuação decepcionante, o Rubro-negro viu a Ponte Preta pressionar e marcar com facilidade.

Logo aos seis minutos, Wallace errou corte e deu de graça para Lucca. O atacante dominou e chutou forte. A bola ainda desviou em Geferson e morreu nas redes.

Já aos 15 minutos, Wallace apareceu negativamente mais uma vez. O zagueiro puxou a camisa de Léo Gamalho na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Danilo descolocou Fernando para aumentar.

O Rubro-negro ainda viu uma luz no fim do túnel aos 19 minutos. Rodrigo agrediu Tréllez, recebeu o cartão vermelho direto e foi expulso de campo.

Mesmo com um a mais, o Leão foi pequeno e só assustou aos 45 minutos. Após chute de Patric, Aranha deu rebote e David, sozinho na pequena área, só fez atrasar para o goleiro.

No segundo tempo, o Vitória diminuiu o placar aos 12 minutos. Após cobrança de escanteio de Carlos Eduardo, Danilinho desviou e André Lima completou de cabeça da pequena área.

Dois minutos depois, o time baiano chegou ao empate. Tréllez recebeu bola fora da área, arriscou o chute e contou com o desvio na zaga para enganar Aranha.

Já aos 36 minutos, em um belo contra-ataque, Carlos Eduardo serviu Danilinho, que na direita cruzou para Tréllez completar e virar a partida.

Foi o suficiente para a torcida da Ponte Preta quebrar alambrados do estádio e invadir o campo. Após mais de 30 minutos de paralisação, o árbitro Ricardo Marques Ribeiro optou por encerrar a partida para preservar a integridade dos atletas.

Ficha técnica

Ponte Preta 2 x 3 Vitória
Brasileirão Série A – 37ª rodada

Local: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data/Horário: 26/11/2017, às 16h (de Salvador)
Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA/MG), assistido por Guilherme Dias Camilo (FIFA/MG) e Sidmar dos Santos Meurer (CBF/MG). Assistentes adicionais: Wanderson Alves de Sousa (CBF/MG) e Jerferson Antônio da Costa (CBF/MG)
Cartões amarelos: Yago, Geferon, Wallace, Kanu (VIT); Jeferson, Wendel (PON)
Cartões vermelhos: Rodrigo (PON)
Gols: Lucca, Danilo (PON); André Lima, Tréllez-2 (VIT)

Ponte Preta
Aranha; Nino Paraíba, Luan Peres, Rodrigo e Jeferson; Elton, Wendel, Danilo Barcelos e Léo Artur; Lucca e Léo Gamalho. Técnico: Eduardo Baptista.

Vitória
Fernando Miguel; Patric, Kanu, Wallace e Geferson; Ramon (Carlos Eduardo), Uillian Correia e Yago; David (André Lima), Neilton (Danilinho) e Tréllez. Técnico: Vagner Mancini.

Por: Redação Galáticos Online


Meio-campo do Vitória terá desfalques para sequência no Brasileirão


Expulso no triunfo do Vitória sobre o Palmeiras na noite desta quarta-feira (09), o volante Uillian Correia vai desfalcar o meio-campo rubro-negro no próximo domingo (12), quando o Leão volta a campo para encarar o Grêmio, em confronto válido pela 34ª rodada do Brasileirão.  Fora da zona de rebaixamento, o time comandado por Vágner Mancini quer seguir pontuando fora de casa nesta reta final, mas terá que superar outro desfalque no meio.

Destaque contra o Verdão quando marcou dois gols, Yago é mais um que está suspenso (levou o terceiro cartão amarelo) e também não vai ao Rio Grande do Sul.

Contra o Palmeiras, Carlos Eduardo foi o escolhido para ajudar na criação, podendo assim ganhar uma vaga de titular justamente contra a equipe que o revelou para o futebol.

BNews


BAVI: Bahia vence Vitória e se distancia do Z-4


Em mais um BAVI marcado pela tensão e confusões entre jogadores, o Bahia levou a melhor e venceu o Vitória por 2 a 1, neste domingo (22), na Arena Fonte Nova. Mendoza e Edigar Junio marcaram os gols do Tricolor. Wallace descontou.

Com o resultado, o Esquadrão subiu na tabela e se distanciou da zona de rebaixamento. O time do Fazendão foi aos 38 pontos e assumiu a 11ª colocação.

Já o Rubro-Negro voltou a viver momentos turbulentos no campeonato. Com seus 33 pontos, na 16ª colocação, o Leão pode voltar ao Z-4 em caso de triunfo da Ponte Preta sobre o Avaí.

O JOGO

Bahia e Vitória fizeram um primeiro tempo de pouca emoção e remotas chances claras de gol.

A primeira boa oportunidade só veio aos 34 minutos. Em contra-ataque, David avançou pela esquerda, invadiu a área e chutou na rede pelo lado de fora.

A resposta do Bahia foi aos 41 minutos. Mendoza recebeu bola na esquerda, entrou na área e chutou forte. Caíque espalmou para evitar.

Mas, no segundo tempo, a rede foi balançada logo no primeiro minuto. Wallace falhou ao tentar cortar na área e ajeitou para Mendoza tocar no canto de Caíque.

O Rubro-Negro respondeu aos 15. Depois de roubar bola, David chutou de fora da área e acertou a trave.

Aos 25, o Leão assustou mais uma vez. Tréllez recebeu na área, tocou na saída de Jean e a bola passou muito perto da trave.

Aos 29 minutos, O Tricolor quase marcou o segundo. Eduardo arriscou chute, a bola desviou em Wallace e Caíque fez bela defesa para evitar.

Mas, aos 37 minutos, o Vitória conseguiu marcar. Após cobrança de escanteio, a zaga do Bahia falhou na área e Wallace mandou na rede para se redimir e empatar.

Aos 42, o Bahia assustou. Régis achou Edigar Junio na área, o atacante tentou o chute cruzado e Caíque se esticou para espalmar e salvar.

Mas, na cobrança do escanteio, o Tricolor marcou. Após cobrança de escanteio, a bola foi desviada na área e sobrou para Edigar Junio, sem marcação fazer o segundo e garantir o triunfo.

Bahia x Vitória
Brasileirão Série A – 30ª rodada

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data/Horário: 21/10/2017 (Horário da Bahia)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ). Assistentes: Michael Correia e Silbert Faria Sisquim. Assistentes adicionais: Leonardo Garcia Cavaleiro e Carlos Eduardo Nunes Braga
Cartões amarelos: Ramon, Neilton, Fred (VIT); Mendoza, Edigar Junio (BAH)
Gols: Mendoza, Edigar Junio (BAH); Wallace (VIT)

Bahia
Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Edson, Renê Júnior, Allione (Thiago Martins) e Zé Rafael (Matheus Sales); Mendoza (Régis) e Edigar Junio. Técnico: Paulo Cézar Carpegiani.

Vitória
Caíque; Caíque Sá, Wallace Fred e Juninho; Ramon, Uillian Correia (André Lima), Yago (Danilinho) e David; Neilton (Cleiton Xavier) e Santiago Tréllez. Técnico: Vagner Mancini.


Seleção feminina vence México na estreia da Copa CFA da China


A seleção brasileira feminina de futebol venceu a partida de reestreia do técnico Oswaldo Alvarez, o Vadão. Nesta quinta-feira, 19, a equipe nacional superou o México por 3 a 0, na sua estreia na Copa CFA da China, disputada no Yongchuan Sports Center Stadium, em Chongqing.

Os gols do Brasil na partida foram marcados por Marta, Bruna e Bia, sendo que Vadão escalou a seleção com a seguinte formação: Bárbara; Poliana, Bruna Benites, Rafaelle e Tamires (Rilany); Thaisa e Andressinha; Thaisinha (Milene), Bia, Marta e Gabi Zanotti (Adriana).

O primeiro gol da partida foi marcado por Marta, logo nos minutos iniciais do segundo tempo. A craque recebeu passe de Thaisinha, finalizou em cima da zaga adversária na primeira tentativa, mas marcou na segunda.

O segundo gol também contou com a participação direta de Marta, que cobrou falta para Bruna, que cabeceou para as redes, encobrindo a goleira adversária. O terceiro gol foi marcado por Bia, que finalizou forte. E a seleção mexicana ainda desperdiçou uma cobrança de pênalti, chutando para fora.

Antes do duelo desta quinta-feira, o Brasil havia enfrentado o México pela última vez no final de 2015, quando aplicou uma goleada de 6 a 0 pelo Torneio Internacional de Natal.

No próximo sábado, às 6 horas (de Brasília), a seleção brasileira volta a campo para encarar a Coreia do Norte, na sequência da Copa CFA da China, novamente em Chongqing.

De volta à seleção, Vadão se viu envolvido em polêmica, pois jogadoras experientes se revoltaram com a demissão da antecessora Emily Lima, o que levou algumas delas, como Cristiane e Maurine, a decidirem se aposentar da equipe, forçando o treinador a reestruturar o elenco. Agora, no seu primeiro jogo nesse retorno ao comando do Brasil, conseguiu uma vitória.

O primeiro gol da partida foi marcado pela jogador Marta (Foto: Fernanda Coimbra | CBF)