Faculdade abre inscrições para 1.200 vagas em cursos gratuitos

Uma instituição de ensino superior oferece neste mês de janeiro cerca de 1.200 vagas para cursos gratuitos de capacitação profissional. A Faculdade Unime da Bahia está com inscrições abertas para os cursos de noções básicas de Excel, branding e gestão de marcas, embelezamento facial, oratória, processos de escolha e orientação profissional, como elaborar um currículo … Leia Mais



Faculdade em Lauro de Freitas oferece três mil vagas para cursos gratuitos

Cerca de três mil vagas são oferecidas pela Faculdade Uninassau, em Lauro de Freitas, para cursos gratuitos de qualificação profissional. As aulas do projeto Capacita acontecem de 10 a 25 de janeiro, na sede da instituição localizada na Avenida Santos Dummont, km 4,5, Centro, ao lado do Hospital Menandro de Faria. Os interessados podem realizar inscrições através do portal da Uninassau. … Leia Mais


Creche e Colégio da Polícia Militar inscrevem para processo seletivo

Foram abertas na última terça-feira (02), as inscrições para o processo seletivo das unidades do Colégio da Polícia Militar e da creche Nossa Senhora das Graças para o ano letivo de 2018.  A seleção será feita através de sorteio eletrônico, a partir das 9h do dia 12 de janeiro, no Instituto Anisio Teixeira (IAT), em São … Leia Mais



Mais de 70 concursos com remuneração acima de R$ 5 mil estão com processo seletivo aberto no Brasil


Há pelo menos 72 concursos públicos com inscrições abertas e oferecem remuneração acima de R$ 5 mil. No total, são mais de 6,6 mil oportunidades de ter um salário alto pelo resto da vida e elas estão espalhadas pelos quatro cantos do Brasil.

Quem sonha com a carreira de magistratura pode comemorar. Dos concursos abertos, o Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (TJ-RS) é o que tem a maior remuneração: R$ 22.213,44. As inscrições ficarão abertas até o dia 13 de dezembro no site da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br), instituição organizadora do concurso. No total são 90 vagas para o cargo de juiz de direito substituto.

Também no Rio Grande do Sul, a Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-RS) divulgou na última semana o edital de abertura para o concurso de auditor. As inscrições só devem abrir no dia 18 de dezembro, mas os candidatos já podem ficar atentos, afinal a remuneração também é alta, de R$ 21.454,81. Para se inscrever é preciso acessar o site do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe/UnB), www.cespe.unb.br. O prazo final é até o dia 16 de janeiro de 2018.

Com relação ao processo com maior número de vagas, o concurso da Polícia Militar do Maranhão lidera o ranking. No total são 1171 para ampla concorrência e cotas. Além disso, está previsto no edital 2,4 mil oportunidades para cadastro reserva. Para se inscrever é preciso acessar o site da banca organizadora, Cespe/UnB, até às 18 horas (horário oficial de Brasília/DF) desta segunda-feira (27). A remuneração chega a R$ 6.913,74.


Simm oferece 50 vagas para curso gratuito de promotor de vendas nesta quarta-feira (22)


O Serviço Municipal de Intermediação de Mão de Obra (Simm), exclusivamente na unidade Comércio, vai realizar nesta quarta-feira (22), das 8h às 17h, o curso de promotor de vendas.

De acordo com o órgão, estão sendo oferecidas 50 vagas. Os interessados devem se dirigir a sede do Simm, na Rua Miguel Calmon, no bairro do Comércio, com o número do PIS. É necessário ter ensino médio completo.

Durante a capacitação os alunos vão aprender sobre Marketing Pessoal, Marketing de Produtos e Serviços, Comunicação, Relacionamento Interpessoal, Criatividade e Inovação e Negociação.

A carga horária total do curso será dividida em 16h e ao final da capacitação os estudantes receberam os certificados. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: 3202-2004.


Confira as vagas ofertadas pelo SineBahia para esta quinta-feira (16) em Simões Filho


O SineBahia divulgou as vagas disponíveis para esta quinta-feira (16) em Simões Filho. Os interessados devem ir aos postos do órgão, com carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.
ELETRICISTA DE AUTOMOTIVA
01 Vaga
AJUDANTE DE MECÂNICO DE AUTOMOTIVA
01 Vaga
É necessário ter ensino médio completo
LAVADOR DE CARROS
01 Vaga
É necessário ter ensino médio completo
ESTÁGIO EM CONTABILIDADE
01 vaga
É necessário estar cursando entre o 3º e 4º semestre de Ciências Contábeis
ESTÁGIO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO  (TI)
01 Vaga
É necessário estar cursando a partir do 2º semestre
TÉCNICO DE INFORMÁTICA
01 Vaga
É necessário possuir graduação na área e experiência mínima de 06 meses.
CARGA E DESCARGA
06 vagas
É necessário possuir experiência mínima de 06 meses
MOTORISTA CATEGORIA E
03 Vagas
É necessário possuir experiência mínima de 06 meses
MANOBRISTA
03 Vagas
É necessário possuir experiência mínima de 06 meses

Nova lei trabalhista começa a valer a partir deste sábado (11); veja o que muda


A Reforma Trabalhista sancionada pelo presidente Michel Temer há quatro meses entra em vigor a partir deste sábado (11). A Reforma traz mudanças na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e as novas regras valerão para todos os contratos de trabalho vigentes, tanto antigos como novos, segundo o Ministério do Trabalho.

As alterações mexem em pontos como férias, jornada, remuneração e plano de carreira, além de implantar e regulamentar novas modalidades de trabalho, como o home office (trabalho remoto) e o trabalho intermitente (por período trabalhado).
Entenda as principais mudanças:

Jornada de trabalho: a jornada diária poderá ser de 12 horas com 36 horas de descanso, respeitando o limite de 44 horas semanais (ou 48 horas, com as horas extras) e 220 horas mensais.

Férias: com as novas regras, as férias poderão ser fracionadas em até três períodos, mediante negociação, contanto que um dos períodos seja de pelo menos 15 dias corridos.

Tempo na empresa: as atividades no âmbito da empresa como descanso, estudo, alimentação, interação entre colegas, higiene pessoal e troca de uniforme não são consideradas dentro da jornada de trabalho.

Descanso: a partir de agora, o intervalo dentro da jornada de trabalho poderá ser negociado, desde que tenha pelo menos 30 minutos. Além disso, se o empregador não conceder intervalo mínimo para almoço ou concedê-lo parcialmente, a indenização será de 50% do valor da hora normal de trabalho apenas sobre o tempo não concedido em vez de todo o tempo de intervalo devido.

Remuneração: deixa de ser obrigatório o pagamento do piso ou salário mínimo na remuneração por produção. Além disso, trabalhadores e empresas poderão negociar todas as formas de remuneração, que não precisam fazer parte do salário.
Contribuição sindical: a contribuição sindical deixa de ser obrigatória e será opcional.

Trabalho intermitente (por período): antes não havia essa regra, agora o trabalhador poderá ser pago por período trabalhado, recebendo pelas horas ou diária. Ele terá direito a férias, FGTS, previdência e 13º salário proporcionais. No contrato deverá estar estabelecido o valor da hora de trabalho, que não pode ser inferior ao valor do salário mínimo por hora ou à remuneração dos demais empregados que exerçam a mesma função. O empregado deverá ser convocado com, no mínimo, três dias corridos de antecedência. No período de inatividade, pode prestar serviços a outros contratantes.

Trabalho remoto (home office): a legislação também não contemplava essa modalidade de trabalho. A partir de agora, tudo o que o trabalhador usar em casa será formalizado com o patrão via contrato, como equipamentos e gastos com energia e internet, e o controle do trabalho será feito por tarefa.

Trabalho parcial: a nova regra permite que a duração do trabalho pode ser de até 30 horas semanais, sem possibilidade de horas extras semanais, ou de 26 horas semanais ou menos, com até 6 horas extras, pagas com acréscimo de 50%. Um terço do período de férias pode ser pago em dinheiro.

Transporte: o tempo despendido até o local de trabalho e o retorno, por qualquer meio de transporte, não será computado na jornada de trabalho.

Negociação: convenções e acordos coletivos poderão prevalecer sobre a legislação. Assim, os sindicatos e as empresas podem negociar condições de trabalho diferentes das previstas em lei, mas não necessariamente num patamar melhor para os trabalhadores. Em negociações sobre redução de salários ou de jornada, deverá haver cláusula prevendo a proteção dos empregados contra demissão durante o prazo de vigência do acordo.

Demissão: o contrato de trabalho poderá ser extinto de comum acordo, com pagamento de metade do aviso prévio e metade da multa de 40% sobre o saldo do FGTS. O empregado poderá ainda movimentar até 80% do valor depositado pela empresa na conta do FGTS, mas não terá direito ao seguro-desemprego.

Danos morais: o texto impõe limitações ao valor a ser pleiteado pelo trabalhador, estabelecendo um teto para alguns pedidos de indenização. Ofensas graves cometidas por empregadores devem ser de no máximo 50 vezes o último salário contratual do ofendido.

Terceirização: haverá uma quarentena de 18 meses que impede que a empresa demita o trabalhador efetivo para recontratá-lo como terceirizado. O texto prevê ainda que o terceirizado deverá ter as mesmas condições de trabalho dos efetivos, como atendimento em ambulatório, alimentação, segurança, transporte, capacitação e qualidade de equipamentos.

Gravidez: mulheres grávidas ou lactantes que antes estavam proibidas de trabalhar em lugares com condições insalubres, agora poderão trabalhar em ambientes considerados insalubres, desde que a empresa apresente atestado médico que garanta que não há risco ao bebê nem à mãe. Mulheres demitidas têm até 30 dias para informar a empresa sobre a gravidez.

Rescisão contratual: a homologação da rescisão do contrato de trabalho pode ser feita na empresa, na presença dos advogados do empregador e do funcionário – que pode ter assistência do sindicato.

Multa: a multa para empregador que mantém empregado não registrado é de R$ 3 mil por empregado, que cai para R$ 800 para microempresas ou empresa de pequeno porte.


Confira vagas ofertadas pelo SineBahia para esta terça-feira (31) em Simões Filho


O SineBahia com unidade em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS) informa sobre a disponibilidade de 17 vagas para motoristas de caminhão Munck, com um ano de experiência e curso mopp.

Os interessados devem comparecer ao posto do órgão, localizado na Avenida Walter Aragão de Souza, no Centro Social de Simões Filho.

Os documentos necessários para concorrer às vagas são: carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência e certificado de escolaridade.