Conta de luz volta a ter bandeira tarifária verde em dezembro

As contas de luz deixarão de ter cobrança adicional em dezembro. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu nesta sexta-feira, 25, que as faturas de energia voltam a ter a bandeira verde no próximo mês. Com essa decisão, o consumidor deixará de pagar R$ 1,50 a mais para cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos, valor … Leia Mais


Proprietários de veículos com a placa de final 1 devem fazer o recadastramento

Após o recadastramento, o Detran passará a enviar alertas sobre o vencimento da habilitação e do licenciamento via SMS Os proprietários de veículos registrados em Salvador, com placas de final 1, devem fazer o recadastramento, a partir da próxima segunda-feira (28),  no site do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA). Para realizar a atualização, o cidadão precisa … Leia Mais



Policial Militar é baleado no abdômen em Simões Filho

Um Policial Militar identificado como soldado Brito, foi baleado no abdômen por volta das 11:40h da manhã desta sexta-feira (25), em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador. De acordo com informações do CENOP da 22ª CIPM,  ele estava em diligência com uma guarnição, no bairro da Pitanguinha Velha, em uma região conhecida como ‘Fazenda … Leia Mais


Black Friday deve faturar R$ 2 bilhões em vendas

A 6ª edição da Black Friday, evento anual que traz superdescontos no setor de comércio e serviços, começou oficialmente à 0h desta sexta-feira (25). Em meio à crise, a megapromoção chega a animar o comércio, que espera faturar R$ 2 bilhões, um aumento de 30% em relação a 2015. A data já é a segunda … Leia Mais


Bilionário morre e deixa herança de R$ 8 milhões para cada morador de sua aldeia


O bilionário Antonino Fernández transformou a vida de 80 moradores da aldeia espanhola Cerezales del Condado. Fundador da cerveja Corona, ele deixou uma herança de R$ 710 milhões para ser dividida entre os moradores do local no qual ele nasceu. Com isso, cada pessoa que vive na aldeia recebeu o equivalente a R$ 8,8 milhões, o que faz da região uma aldeia de milionários .

De acordo com o jornal britânico ‘Daily Mail’, Antonino Fernández nasceu no dia 13 de dezembro de 1917. Décimo primeiro dos 13 filhos da família, ele foi forçado a deixar a escola aos 14 anos e cresceu na pobreza. Após a Guerra Civil Espanhola, ele se mudou para a cidade de Leon, no México, onde a cerveja foi criada.

blog_antoninoFernández ficou como diretor-geral do Grupo Modelo, a maior cervejaria mexicana, entre os anos de 1971 e 1997. Ele manteve o cargo de presidente do conselho até 2005, quando o cargo foi assumido pelo sobrinho Carlos Fernández González. Ele era conhecido por atos filantrópicos e chegou a realizar muitas melhorias. Antonino morreu em agosto deste ano, aos 99 anos.


Geddel Vieira Lima deixa cargo de ministro após polêmica envolvendo seu nome


No texto, Geddel fala que retorna para a Bahia torcendo pelo governo e tece elogios ao presidente da república

O ministro-chefe da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima (PMDB), deixou o cargo após envolvimento em uma polêmica para liberar um empreendimento em Salvador. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, Geddel comunicou a decisão aos seus aliados e ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB).

O presidente Michel Temer (PMDB) já foi comunicado e aceitou o pedido. A informação foi confirmada pela assessoria da do Palácio do Planalto.

Na carta de demissão, Geddel fala que retorna para a Bahia torcendo pelo governo e tece elogios ao presidente da república. O político ainda justifica que sua saída do cargo é por conta do volume de críticas envolvendo seu nome. “Em Salvador, vejo o sofrimento dos meu familiares. Quem me conhece sabe ser esse o limite da dor que suporto. É hora de sair”, escreveu.

Foto: Reprodução

 Polêmica
O edifício La Vue está no centro da polêmica envolvendo o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima. No último fim de semana, ele foi acusado pelo ex-ministro da Cultura Marcelo Calero de pressioná-lo na liberação do empreendimento, onde o peemedebista diz ter comprado um apartamento.

Marcelo Calero acusou Geddel de pressioná-lo para liberar uma obra em Salvador
(Foto: Lúcio Bernardo Jr./Câmara dos Deputados)

Geddel nega a pressão contra o ex-colega.

A Justiça Federal determinou a imediata paralisação das obras e a suspensão da comercialização das unidades habitacionais do edifício La Vue, sob pena de incidência de multa no valor de R$ 10 mil por dia em caso de descumprimento.

A decisão da juíza substituta da 4ª Vara Federal, Roberta Dias do Nascimento Gaudenzi, ratifica a determinação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), que havia embargado a obra na quinta-feira passada.

A construtora Cosbat, responsável pelo empreendimento, afirmou por meio da assessoria que as obras e as vendas estão paralisadas temporariamente desde o embargo do Iphan.

A ação é de autoria do Instituto dos Arquitetos da Bahia. A entidade entende que o edifício na Ladeira da Barra está localizado no entorno de patrimônios tombados, como a igreja e o outeiro de Santo Antônio e que, por isso, não poderia ter mais que 13 pavimentos. O projeto original previa um total de 31 andares.

Correio24horas


Operação contra fraude em transporte escolar cumpre mandados na Bahia


A suspeita de um esquema de desvio de recursos federais do transporte escolar no município de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, provoca o cumprimento de dois mandados de prisão preventiva, dois de prisão temporária, oito conduções coercitivas, três medidas cautelares e 15 mandados de busca e apreensão na manhã desta sexta-feira (25).

A ação integra a Operação Vigilante, que é comandada pelo Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) e a Polícia Federal. Os mandados relativos ao suposto esquema em Vitória da Conquista são cumpridos em cinco municípios: Malhada de Pedras, Salvador, Alagoinhas, Itagibá e São José do Jacuípe.

Conforme a CGU, investigações apontam que as pessoas que são alvos da operação estão envolvidas em um esquema de fraudes em licitação, que direcionava a contratação de empresas vinculadas a gestores municipais. Além disso, o órgão destaca a existência de superfaturamento por meio da adulteração de quilometragem de linhas percorridas e cobrança pela prestação de serviço de transporte, em dias sem atividade escolar. Em alguns casos, a CGU aponta que a quilometragem cobrada era mais do que o dobro da distância real percorrida.

A CGU afirma que o prejuízo estimado aos cofres públicos é R$ 3 milhões. Os envolvidos devem responder pelos crimes de responsabilidade, fraudes em licitação, organização criminosa, além de atos de improbidade.


Senado aprova projeto que aumenta pena para motoristas embriagados


O plenário do Senado aprovou nesta quinta-feira (24) um projeto de lei que modifica o Código de Trânsito Brasileiro para aumentar as penas de motoristas bêbados ou drogados que provocarem mortes no trânsito. O texto, que era originário da Câmara, foi alterado pelos senadores e volta agora para última análise dos deputados.

O projeto “aumenta a pena privativa de liberdade do crime de homicídio culposo na direção de veículo automotor, quando o agente estiver com a capacidade psicomotora alterada em razão da influência do álcool ou de outra substância psicoativa que determine dependência”, para cinco a oito anos de reclusão.

Atualmente a pena prevista é de dois a quatro anos e o relatório do senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) mantinha o projeto original com pena mínima de quatro anos, mas foi alterado por emenda do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG). O objetivo do senador mineiro era evitar que a pena mínima permitisse que o motorista condenado não chegasse a cumprir pena em regime fechado.

Quando o acidente nessas circunstâncias não resultar em morte, mas o motorista for enquadrado por lesão corporal culposa, a pena será aumentada para de dois a cinco anos de reclusão se a lesão for considerada grave ou gravíssima. No entanto, as penas restritivas de liberdade poderão ser transformadas em restritivas de direitos se o motorista for condenado a até quatro anos de prisão.

O projeto também estabelece a tipificação penal para “a conduta de exibição ou demonstração de perícia em manobra de veículo automotor, não autorizada pela autoridade competente, gerando situação de risco à incolumidade pública ou privada”.

“Tal providência é salutar, tendo em vista a ocorrência, cada vez mais divulgada pela mídia, de veículos fazendo exibições não autorizadas, como cavalos-de-pau por exemplo, sendo que a referida conduta não se encaixa perfeitamente no tipo atualmente existente de participação em ‘corrida, disputa ou competição automobilística’”, explica o relator.

Outra emenda do senador Antônio Anastasia também incluiu no texto a previsão de que o motorista poderá ser detido de um a três anos por dirigir tendo ingerido álcool ou qualquer substância que altere a consciência, independente da quantidade. Atualmente, o motorista só é preso a partir de uma determinada quantidade de álcool por litro de sangue.


Governo retoma mais de 7 mil obras paralisadas do Minha Casa Minha Vida


O ministro das Cidades, Bruno Araújo, e o presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, anunciaram nesta quinta-feira (24) a retomada da construção de unidades habitacionais do Programa Minha Casa, Minha Vida.

Foram assinados, com as construtoras, contratos de 7.127 moradias na Faixa 1 do programa, destinada às famílias com renda mensal bruta de até R$ 1,8 mil. “A retomada de obras que estavam paralisadas, levando prejuízo de dinheiro público sob o sol e sob a chuva, é uma forma não só de gerar emprego e ativar a economia, mas, sobretudo manter vivo o sonho da entrega da casa própria”, disse o ministro.

As execuções representam investimentos de R$ 257,4 milhões, com recursos do Fundo de Arrendamento Residencial, da Caixa Econômica Federal. As obras serão retomadas em nove estados: Acre, Alagoas, Amazonas, Pará, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e São Paulo. Segundo Araújo, quase 60 mil obras de unidades habitacionais estavam paralisadas e vem sendo retomadas. “Só estamos anunciando o número de obras que temos a segurança de que poderemos cumprir, segurança de previsibilidade é uma prioridade”, disse o ministro, contando que uma nova rodada de retomadas será anunciada até 20 de dezembro.

A expectativa é retomar todas as obras paralisadas até o final de janeiro, para, então, fazer novas contratações na Faixa 1 do programa. O Ministério das Cidades informou que, em 2017, o orçamento da habitação vai ganhar investimentos de R$ 7 bilhões de recursos do FGTS. A meta é contratar 600 mil novas unidades.

Bahianoticias