Após “toque de recolher” cinco suspeitos são detidos em Simões Filho


Em resposta a situação de insegurança transmitida por um grupo de meliantes na manhã desta terça-feira (10) com um suposto “toque de recolher”, o comando da 22ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) novamente entrou em ação no município de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS).

De acordo com informações, no inicio desta tarde, cinco elementos suspeitos de espalhar o suposto toque de recolher foram detidos em flagrante, quando ainda circulavam determinando o fechamento de estabelecimentos comerciais nas imediações do Cia I.
Mesmo com as prisões, os pontos comerciais nos bairros Cia I, Parque Continental, Simões Filho I e Km 30 e Tiro Seguro continuam fechados.

A ação dos criminosos começou nas primeiras horas da manhã quando no Km 30 os comerciantes tiveram que baixar as portas sob a ameaça de terem seus estabelecimentos incendiados. Até os funcionários do Posto de Saúde da localidade tiveram que fechar a unidade.

Um pouco mais tarde, as informações dão conta de que os homens circulavam armados em motocicletas espalhando o terror. Ainda não se sabe o que teria motivado o toque de recolher.

Em depoimento, o comandante da 22º Major Fábio Dias disse que a população não precisa se preocupar com a suposta represália. “Nós intensificamos a ronda de viaturas no local e asseguramos que tudo está funcionando normalmente na cidade. Não devemos ceder a esse tipo de represália, no que depender da PM não vai existir nenhum toque de recolher”, revelou o Major.

A identidade dos detidos não foi revelada. Todos foram encaminhados para a 22ª Delegacia Territorial onde permanecem à disposição da justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *